Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

#sejaondefor

#sejaondefor

Escandalosa distorção dá nisto...

Temos em Portugal a mania das polémicas. Sem uma boa polémica não há clássicos e sem uma boa polémica não há jogos " a sério"!! Desta vez os Jornalistas (outra vez eles) tomaram posse das declarações infelizes do guarda-redes belga Stijn Stijnen .
Para que a verdade seja reposta é preciso começar por traduzir correctamente o que disse o Guardião Belga!
Son sort sera réglé dès la deuxième minute" - Aos dois minutos o  seu caso estará resolvido.

Agora vemos dar uma voltinha pela banca dos jornais Portugueses:

A Bola: Stijen afirmou, na imprensa belga, que se fosse necessário «partir uma perna»

Record : Stijnen assumiu, em declarações à Gazeta de Antuérpia, que Cristiano Ronaldo devia ser parado a qualquer custo, nem que para isso a sua equipa tivesse que recorrer a faltas duras. "Depois de dois minutos, normalmente já o teremos massacrado tanto, que ele já terá sido retirado do relvado"

Diário Digital: o guardião belga aconselhou os companheiros de equipa a agir «de maneira a que Ronaldo saia de campo em maca»

Público: "declarações do guarda-redes Stijn Stijnen a um jornal flamengo, dizendo que queria "partir uma perna" ao jogador português.

Infordesporto : Numa entrevista à Gazeta de Antuérpia, o guardião belga aconselhou os companheiros de equipa a agir "de maneira a que Ronaldo saia de campo em maca"

Jornal de Notícias: Stijn Stijnen , famoso por alegadamente ter dito que Cristiano Ronaldo deveria ser magoado pelos colegas de selecção logo aos dois minutos do encontro com Portugal.

Correio da Manhã: “Aos dois minutos de jogo devemos agir de maneira a que Cristiano Ronaldo saia de campo em maca”

As palavras de Stijnen são talvez pouco ortodoxas mas na realidade foram distorcidas pelos jornalistas e o que aconteceu à chegada ao Aeroporto de Lisboa não passa de uma boa bofetada a estes pseudo-jornalistas que querem a todo custo vender notícias nem que para isso seja necessário inventar.
Querem ganhar alguma coisa? Deixem-se de ser vítimas, joguem não sejam batoteiros e mostrem o futebol que têm. Pois só assim serão reconhecidos.